Sustentabilidade na Saúde

Aplicar o conceito na área da Saúde pode trazer benefícios para o gestor, para os médicos, enfermeiros, recepcionistas, pacientes e todas as partes envolvidas e interessadas na instituição médica

A palavra sustentabilidade foi usada pela primeira vez no ano de 1987 pela ex-ministra norueguesa Gro Brundtland. O assunto a que se refere já se tornou mais do que uma boa ideia, é quase uma obrigação, no atual momento. Seu conceito está relacionado com atitudes e estratégias ecologicamente corretas, socialmente justas e economicamente viáveis. Desenvolver algo de forma sustentável é pensar no meio ambiente e no progresso ao mesmo tempo, suprindo necessidades do presente sem impedir que as gerações do futuro satisfaçam as suas.

Aplicar o conceito na área da Saúde pode trazer benefícios para o gestor, para os médicos, enfermeiros, recepcionistas, pacientes e todas as partes envolvidas e interessadas na instituição médica. Para desenvolver isso não há fórmula simples, pois envolve abordagens que vão desde a engenharia do espaço até às práticas do dia a dia.

Conforme Roberta Valença, especialista e consultora de Gestão e Educação para a Sustentabilidade, o segredo está na conexão da cadeia de valor da Saúde que, se direcionada para um relacionamento de longo prazo, com objetivos comuns e alinhados às necessidades da sociedade, levando em consideração suas externalidades sociais, ambientais e econômicas, consequentemente, os interesses dos acionistas e de todos os stakeholders serão bem-sucedidos. “Primeiramente, reunir pessoas-chaves para tocar o processo é muito importante, pois a inserção da sustentabilidade se dá desde o planejamento estratégico e resvala em todas as áreas, tornando todos os colaboradores protagonistas”, explica.

Segundo Claudio Salles Vieira, médico com experiência no âmbito de gestão em saúde, o ambiente deve ser planejado com materiais sustentáveis e aproveitamento da luz natural e artificial de baixo consumo para reduzir gastos com energia, proporcionando estrutura ergonômica para médicos, funcionários, pacientes e acompanhantes.

É preciso avaliar investimentos feitos por gestores na área de eficiência energética, pois, além de ser vital para o negócio, é geradora de muito custo. Para assegurar a rentabilidade do empreendimento, é necessário definir indicadores claros e objetivos que monitorem os resultados a longo prazo. “Entretanto, é importante lembrar sempre que a sustentabilidade é para o ser humano”, completa.

 

Dicionário da sustentabilidade

  • Sustentável: que se pode sustentar/Que tem condições para se manter ou conservar.
  • Sustentar: segurar para que não caia; suster, suportar/Conservar, manter.
  • Stakeholders: pessoas ou organizações que podem ser afetadas pelos projetos e processos de uma empresa.
  • Rapport: o estabelecimento de confiança, harmonia e cooperação em uma relação.


Categorias:Gestão e Finanças

Tags:, ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.