Marketing de conteúdo: o que é importante saber

Marketing de conteúdo: o que é importante saber

De forma bastante simples, podemos dizer que o marketing de conteúdo é a vertente do Marketing que se baseia na oferta de conteúdos relevantes para uma parcela específica de público, como forma de atrair e manter clientes.

Com essa definição simples, podemos perceber que falamos de uma estratégia usada por médicos muito antes de se falar em marketing nos consultórios: cartazes e folhetos com orientações de prevenção e palestras para a comunidade são ações de marketing de conteúdo que continuam completamente relevantes quando se trata de engajar pacientes, mas essas medidas não são suficientes hoje, em tempos de mídias digitais, já que as pessoas recebem muito mais informações em alguns cliques do que eram capazes de acessar durante toda a sua vida há apenas algumas décadas.

Então, a questão é volume?  Não. A questão é, digamos, um pouco mais “cirúrgica”.

Mais conteúdo não basta. É preciso entender com o que o seu público (pacientes atuais, potenciais pacientes, familiares, influenciadores) deseja se “conectar” e, assim, gerar algo interessante e novo (afinal, parece que tudo já está na internet e, com mais do mesmo, você não se destaca). Outro ponto importante é o planejamento.

Não dá para esperar bons resultados com esforços isolados ou amadores: marketing de conteúdo requer planejamento e condução profissionais – nada de improvisos – e pode ser a melhor alternativa em uma área como a Medicina, na qual a regulamentação é bastante restritiva quanto à divulgação.

Marketing de conteúdo é importante para educar pacientes, oferecendo informações precisas sobre patologias e tratamentos, e tornando você ou sua clínica referências nas pesquisas que eles fazem no Google. Marketing de conteúdo é importante para fazer com que seus colegas reconheçam sua autoridade em determinado tema.

Marketing de conteúdo é importante na conquista de novos pacientes, já que ajuda na construção de uma reputação positiva (especialista em um determinado tema) e gera busca por mais informações, que pode ser convertida em novas consultas. Marketing de conteúdo é importante para estabelecer um relacionamento mais próximo com seus pacientes, o que ajuda na ampliação da fidelização dos pacientes ao tratamento proposto.

Fazer marketing de conteúdo usando mídias sociais não significa apenas postar diariamente em suas páginas nas redes sociais. Se você faz isso, usa as mídias sociais como mídias tradicionais, nas quais os serviços são anunciados, as formas de contato são divulgadas e, então, espera-se pela ação dos potenciais “compradores”. Além do conteúdo relevante, marketing de conteúdo em mídias socais requer disponibilidade para interação.

Para fazer marketing de conteúdo, é possível usar diversos canais, como um blog, redes sociais, um canal no Youtube, WhatsApp Business e, por que não, o velho e bom e-mail. A escolha vai depender do público com quem você deseja se relacionar (para saber qual é o canal ou o tipo de plataforma de preferência) e do alcance desejado.

Para começar, a dificuldade mais comum sempre é o que dizer, que tipo de conteúdo disponibilizar. Há muito com o que trabalhar: dúvidas mais comuns, mitos e verdades, novidades e inovações (desde que aprovadas pelos órgãos competentes), conteúdo interativo (do tipo “teste seus conhecimentos”), transmissões de vídeos ao vivo de procedimentos, notícias relevantes, medidas preventivas e dicas de saúde. Enfim… Conforme suas postagens forem feitas, será possível acompanhar as reações de seu público e escolher os melhores caminhos.

Também é importante acompanhar as interações e inserir as pessoas que se interessaram por seus conteúdos em uma escala de contato, chamada comumente de funil de vendas, no qual temos conteúdos mais genéricos para todos, conteúdos mais específicos para os que demonstraram interesse claro por um tema e conteúdos ainda mais específicos para aqueles que buscam mais informações e que podem ser convertidos em pacientes.

Mas, como foi destacado anteriormente, não cabe improviso: poucos médicos conseguem gerenciar seu marketing e exercer medicina simultaneamente, por mais que gostem de usar e lidar com mídias digitais. Marketing de conteúdo requer apoio profissional (o que não é a mesma coisa que colocar sua secretária para “cuidar disso”).

Marketing de conteúdo é multidisciplinar! Envolve pesquisa de conteúdo, desenvolvimento de textos e de artes, produção e edição de vídeos, gerenciamento de relacionamentos com seus públicos.

Sem que isso seja conduzido com seriedade e profissionalismo, o que se tem é apenas um ensaio, que não permitirá chegar a uma conclusão sobre a efetividade da ferramenta.


Alice Selles

Mestre em Administração e Desenvolvimento Empresarial; diretora da Selles Comunicação Integrada.

Deixe aqui seu comentário! :)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.